Cogumelos alucinógenos psilocybe cubensis causam dependência?

Cogumelos alucinógenos psilocybe cubensis causam dependência?

E se eu ficar viciado em psilocibina?

A psilocibina não é viciante e não leva ao uso compulsivo. Isso ocorre em parte porque os psilocybe cubensis podem causar uma “viagem” intensa. Além disso, as pessoas podem desenvolver uma tolerância à psilocibina rapidamente, tornando difícil ter qualquer efeito após vários dias de uso repetido.

Como a maioria das drogas, quanto mais você usa cogumelos mágicos, mais tolerância você desenvolve.

A tolerância também se desenvolve rapidamente com o uso regular, o que significa que, com o uso regular, uma pessoa precisará de mais da droga para obter o mesmo efeito em seu próximo uso.

Desenvolver uma tolerância pode ser especialmente arriscado com cogumelos alúcinógenos, porque consumir uma grande quantidade pode resultar em efeitos severos que podem incluir:

  • Agitação
  • Vômito
  • Diarréia
  • Fraqueza muscular
  • Pânico ou paranóia
  • Psicose
  • Convulsões

Quanto tempo a psilocibina permanece no seu sistema?

Os efeitos de curto prazo dos cogumelos mágicos geralmente desaparecem em 6 a 12 horas. Mas as pessoas podem experimentar mudanças de personalidade a longo prazo e flashbacks muito tempo depois de ingerir os cogumelos magicos psilocybe cubensis.

A meia-vida média da psilocibina varia de uma hora a duas, e geralmente leva de cinco a seis meias-vidas para uma substância ser eliminada do seu sistema.

Cogumelos mágicos causam antidoping?

cogumelos mágicos

A triagem típica de drogas na urina para emprego não testa a psilocibina, mas existem testes específicos que podem ser solicitados para testá-la. Como muitas outras drogas, os cogumelos mágicos podem ser encontrados nos folículos capilares por até 90 dias.

O exame toxicológico detecta quais substâncias?
  • Maconha
  • Haxixe
  • Skunk
  • Cocaína
  • Crack
  • Merla
  • Codeína
  • Anfepramona
  • Anfetaminas
  • Ecstasy (MDMA, MDA, EVE)
  • Femproporex
  • Heroína
  • Metanfetaminas
  • Morfina
  • Hidrocodona
  • Hidromorfina
  • Fenciclidina
  • Mazindol

Além de detectar as drogas, o teste toxicológico consegue analisar o padrão de consumo e diferenciá-lo em cinco categorias variadas, desde levíssimo até gravíssimo, auxiliando no encaminhamento clínico dependendo de cada caso.

>>